O recomeço

Houve um tempo em que esperava ansiosamente pelo recomeço…
Fazia-me feliz. Significava rever amigos, uma viagem de comboio a Lisboa com o pai para levar livros e livros cheios de cheiro a novo, dias felizes cheios de actividade.
Os anos não esmoreceram essa alegria. Setembro era bem vindo, trazia o entusiasmo das coisas novas. De novas terras, de novos sorrisos desdentados, de novas amizades, de desafios bons. E trazia também o Outono e as noites longas com amigos.
Não sei em que parte do caminho tudo se perdeu, mas conheço os responsáveis.
Chegou a hora de vestir a máscara.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em primeirociclo. ligação permanente.

Deixe a sua opinião

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s