Petições e contradições

A petição “Aplicação do Princípio da igualdade” da professora Fátima, que subscrevi é acusada de inexactidão, no que diz respeito aos intervalos.

A professora Fátima já apresentou as suas contas e discorda da acusação. A discordância tem uma importância mínima, no contexto da crescente amplificação das desigualdades, com o novo DOAL.

Tenho pouca fé nestes documentos. Gostaria que surgisse um ou mais grupos de professores e educadores a pressionar, dando corpo à contestação, aparecendo e lutandocropped-12190086_941391949232026_1033214165923098530_n1.jpg pelo princípio da igualdade.

Afinal para que serviram aquelas jornadas pela dignificação do trabalho, no 1º ciclo?  No momento da verdade é preciso aparecer surpreendendo os  protagonistas habituais.

Esta entrada foi publicada em primeirociclo. ligação permanente.

Deixe a sua opinião

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s